As primeiras Vinhas

As primeiras Vinhas

O vinho é uma das bebidas mais apreciadas mundialmente. Estima-se que só no Brasil anualmente sejam consumidos 330 milhões de litros, o que equivale a cerca de duas garrafas de vinho por brasileiro. Mas engana-se quem pensa que a história do cultivo é recente.​

De acordo com dados históricos em 7.000 a 5.000 A.C (antes de cristo), surgiram as primeiras vinhas do mundo. Foi na Geórgia, na região do Cáucaso, território entre a Europa Oriental e Ásia Ocidental, que os estudiosos acharam os primeiros vestígios da vinicultura. Por isso, acredita-se que essa é a data de início da produção dos vinhos.

Posteriormente, foram localizadas as primeiras prensas e outros equipamentos mais elaborados de vinicultura na região da Armênia, por volta de 4.000 A.C.​

Já em 1.500 A.C, os gregos começaram a difundir mais amplamente a cultura do vinho, tanto por suas lendas e deuses, como Dionísio, o Deus do vinho, como por suas ânforas, equipamento usado para se transportar a bebida.